Logotipo Biotec AHG

Novo armazenamento da informação genética

Imprimir .
Uma sequência do genoma é uma longa cadeia informativa escrita a partir de um código formado por quatro letras (cerca de três bilhões delas compõem o genoma humano). Mas como o código é decifrado? Atualmente, isso é realizado por profissionais que usam a informação através de fontes (por exemplo, conhecimento sobre genes similares em outros organismos) para elaborar onde um gene começa, termina, e funções que exerce. Mesmo uma equipe de pesquisadores habilitados para este fim afirmam que decifrar um genoma é um processo geralmente lento. Entretanto, as novas tecnologias podem fornecer uma solução mais rápida.

A Biblioteca Pública da Ciência está aproveitando o poder da internet para facilitar o acesso e o uso de informações que devem ser de domínio público, possibilitando, desta forma, o incentivo à pesquisa e o desenvolvimento de novos projetos que visem a melhoria e o bem estar do homem. A PLoS Biology está divulgando informações, através de uma empresa independente, que tem os mesmos objetivos. Andrew SU, John Huss III e seus colegas uniram seus esforços para estabelecer um “Gene Wiki” - um repositório de dados sobre genes humanos, armazenado dentro do conhecido Portal Wikipedia. O projeto prevê uma rede de artigos, criado por um programa informático e processado pelos interesses do usuário, que descreverá o relacionamento e as funções de todos os genes humanos que procura.

Há uma vasta gama de informações sobre inúmeros genes (nome, sequência, a posição no cromossomo que ocupa, as proteínas que codifica, genes com os quais interage). Muitas outras informações são passíveis de serem encontradas, porém, na maioria dos casos, estão dispersas em vários bancos de dados. Ferramentas de busca como esta facilitam a vida do usuário, apresentando a informação através de uma “anotação” simplificada e bastante completa. Devido ao fato de a informação poder ser postada por quaisquer pesquisadores, com trabalhos independentes, é importante que o Portal consiga coletar a informação e disponibilizá-la de forma organizada e facilitada. Esta é pelo menos a intenção dos programadores e autores do projeto.

As bibliotecas existentes de “anotações genéticas” incluem portais de genes e bases de dados de organismos-modelo. Entretanto, a informação armazenada é considerada definitiva, exigindo atualizações constantes por peritos específicos e pela apresentação formal da informação, que muitas vezes se perde devido à burocracia dos sistemas virtuais de difícil acesso. O trabalho relatado pelo PLoS Biology é permitir igualmente uma acumulação muito mais flexível, mais orgânica de ciência, com todos os leitores capazes de editar e adicionar conteúdos às páginas de genes do Wiki.    A fim de estimular o desenvolvimento deste Wikipedia, Andrew SU e colegas desenvolveram um sistema que afixa automaticamente a informação das bases de dados existentes como artigos no Portal. Um programa informático transfere a informação de um sistema, adaptando-a para o formato do Wiki. Os autores acreditam que a ferramenta fará com que aumente a afixação de mais informações detalhadas por parte dos pesquisadores e que, aos poucos, o Wikipedia se torne referência no assunto. A exemplo disso, em pouco tempo de acesso, o número absoluto de edições, em páginas de genes de mamíferos, duplicou, o que reflete o sucesso inicial do projeto.

    
17/07/2008
 

 © BIOTEC AHG 2017 - Todos os direitos reservados - Rua Dr. Melo Alves, 529, cj. 82. Cerqueira César. São Paulo-SP, Brasil. CEP: 01417-010