Logotipo Biotec AHG

Vantagem da transgenia na agricultura

Imprimir .

As vantagens provenientes do uso do milho Bt, que é geneticamente modificado para a produção da proteína da bactéria Bacillus thuringiensis, têm sido cada vez mais evidentes, como mostra uma pesquisa realizada nos EUA. O foco desse estudo é mostrar os benefícios econômicos que essa espécie vem trazendo aos agricultores, que gastam menos com defensivos agrícolas. Os resultados da pesquisa foram publicados na edição do dia oito de outubro da revista Science.

Essa proteína tem um efeito tóxico sobre a lagarta – uma das principais pragas das lavouras de milho – que perfura a haste do milho e come as folhas. Umas das vantagens do uso desse milho é o fato da toxina produzida ser inofensiva ao homem e a outros animais.Além de se defender do ataque das lagartas, o milho Bt oferece uma proteção às lavouras de milho comum plantadas na mesma região (“efeito aura”). Esse fenômeno se deve à diminuição da população de lagartas e à redução das chances de ataque às plantas de milho não GM.

Para que esse sistema tenha bons resultados as autoridades norte-americanas exigem que os agricultores plantem uma parte da área com milho comum, assim as mariposas colocam seus ovos em ambas as plantas de milho. Dessa forma, ao eclodirem na plantação de milho transgênico, as lagartas entram em contato com a toxina e morrem antes de chegarem ao estágio de mariposa, resultando na redução do número de lagartas, também na lavoura de milho não GM.

Experiências com o milho Bt

Apesar de toda a controvérsia que o plantio de vegetais geneticamente modificados ainda causa em uma parcela considerável da sociedade, é impossível negar os benefícios que o seu uso vem oferecendo.

Os números apresentados pelo estudo confirmam a importância dessas plantas para a agricultura dos EUA. Os cientistas e líderes do estudo William Hutchison e Paul Mitchell, destacaram o ganho econômico gerado pelo uso do milho GM, que ficou em torno de 6,9 bilhões de dólares nos últimos 14 anos.

Entre os países produtores de OGM, os EUA (maior produtor do continente) seguem como os líderes mundiais no plantio dessas espécies. Nos continentes asiático, africano e europeu, são líderes a Índia, a África do Sul e a Espanha, respectivamente.

No Brasil, a eficiência no uso dos transgênicos foi comprovada com a realização de experimentos em condições controladas e em ensaios de campo, os quais tiveram como objetivo prever os reais efeitos dessas plantas sobre populações de insetos-praga e organismos não-alvo. Entre os vegetais testados o milho Bt mostrou bons resultados no combate a pragas de diferentes espécies. 

14/10/2010
Arlei Maturano - Equipe Biotec AHG
 

 © BIOTEC AHG 2017 - Todos os direitos reservados - Rua Dr. Melo Alves, 529, cj. 82. Cerqueira César. São Paulo-SP, Brasil. CEP: 01417-010